Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba
Morungaba integra comitiva que reivindica melhorias na saúde pública da RMC
09.ago

Morungaba integra comitiva que reivindica melhorias na saúde pública da RMC

O prefeito da Estância de Morungaba, Marco Antonio de Oliveira, integrou a comitiva de prefeitos da RMC (Região Metropolitana de Campinas) que esteve reunida com o secretário da Saúde de Estado de São Paulo, Marco Antonio Zago, na tarde desta quarta-feira (8/8).

O objetivo da reunião para formalizar uma carta que aponta os principais problemas enfrentados no setor da saúde, entre eles a falta de vagas de urgência e emergência e a longa fila de espera para implantação de próteses.

O secretário Zago recebeu os prefeitos e anunciou que o Estado criará uma central regional de regulação de vagas e cirurgias para atender pacientes das 20 cidades da região.

A central regional tem como principal objetivo acabar com os gargalos e trazer maior agilidade as demandas de urgência e emergência - que são reguladas pelo Estado. Daqui a três semanas os prefeitos e os representantes do Estado voltarão a se reunir para dar início efetivo à implantação do órgão regulador regional.

Também ficou definido que, em 10 dias, a Diretoria Regional de Saúde apresentará um mapeamento com os medicamentos de alto custo que estão em falta nos municípios para que o Estado providencie o envio.

O prefeito Marquinho comentou durante a reunião que os municípios acabam arcando com a maior parte dos gastos com saúde pública: “Morungaba é a cidade da RMC que mais gasta com saúde, proporcionalmente. Hoje nosso município arca com aproximadamente 84% das despesas com a Atenção Básica em Saúde, por exemplo, enquanto o Governo Federal 14,5% e o Governo do Estado apenas 1,5%. É por este motivo que nós prefeito estamos aqui pedindo encarecidamente que esta secretaria nos ajude a encontrar uma saída”, disse o prefeito Marquinho durante o encontro com o secretário da Saúde.

Também integraram a comitiva os prefeitos de Jaguariúna, Monte Mor, Hortolândia, Santa Bárbara d'Oeste, Nova Odessa, Santo Antonio de Posse, Cosmópolis, Pedreira, Itatiba, Indaiatuba, Campinas, Americana e Sumaré.