Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba
Prefeitura de Morungaba alerta sobre caramujos africanos
11.abr

Prefeitura de Morungaba alerta sobre caramujos africanos

Os caramujos africanos podem ser transmissores de meningite eosinofílica, parasita que pode ser contraído ao consumir fezes contaminadas de roedores. Ao se locomoverem, os caramujos podem liberar o muco contaminado infectando humanos por meio de legumes, frutas e verduras mal lavados. 
Não há registros da doença, mas foram registrados focos de proliferação de Caramujos  Africanos nos bairros Barra Mansa, Brumado e no Centro. A Vigilância Epidemiológica do Departamento de Saúde realizou a coleta dos moluscos nesta segunda-feira ( 8/4) e está promovendo uma campanha de orientação junto à população divulgando algumas medidas, principalmente no sentido de esclarecer a relação da proliferação do caramujos e o acúmulo de lixo e entulho em quintais, jardim e terrenos.
A Prefeitura de Morungaba está orientando para que a população:
* Evite o acúmulo de lixo em quintais, jardins e terrenos.
* Nunca coma os moluscos capturados, nem criá-los.
* Para capturá-los, utilize luvas ou sacos plásticos para proteger as mãos.
* A melhor ocasião para capturar os moluscos é ao final da tarde e em nos dias nublados e chuvosos, quando saem de seus abrigos em maior número.
* Para destruí-los, coloque os moluscos encontrados em um balde com água e bastante sal, até que parem de se mexer. Depois, quebre as conchas para que a água da chuva não fique nelas e depois enterrar ou colocar no lixo comum.
* Antes de consumir hortaliças, lave cuidadosamente e desinfetar com solução clorada todas as folhosas que serão consumidas cruas.
Mais informações: (11) 4014-4617.