Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba Imagem de Morungaba
 Projeto “Primeiros Socorros”: Unicamp inicia parceria com Prefeitura
11.abr

Projeto “Primeiros Socorros”: Unicamp inicia parceria com Prefeitura

Foi promovida na manhã desta quinta-feira (11/4) a primeira ação do projeto de Extensão Comunitária “Primeiros Socorros: preservando vidas e fortalecendo a comunidade”.

O primeiro treinamento foi ministrado pela Doutora em Ciências da Saúde e Professora da Faculdade de Enfermagem Ana Paula Boaventura, no Teatro Municipal Fioravante Frare, voltado a professores e funcionários da rede municipal de ensino.

Em uma parceria inédita da Unicamp com a Prefeitura da Estância Climática de Morungaba, o projeto que deverá abranger as escolas públicas e particulares, os profissionais da área de saúde, o grupo da Terceira Idade, bombeiros, motoristas da prefeitura, comunidade em geral, Apae e outras instituições.

Morungaba será a primeira cidade da Região Metropolitana de Campinas a receber o projeto que deverá ser desenvolvido por meio de ações contínuas junto aos diversos setores da sociedade, envolvendo públicos de diversas faixas etárias.

 

PRIMEIROS SOCORROS PARA LEIGOS

A própria OMS (Organização Mundial de Saúde) desde 2015 vem recomendando o curso de Primeiros Socorros para leigos. No caso das escolas, as crianças serão reunidas durante as aulas e orientadas quanto aos treinamentos teóricos e práticos, com manequins simuladores, das manobras de primeiros socorros para engasgos, convulsões e desmaio.

Serão envolvidos no projeto 30 profissionais da Unicamp. O objetivo é realizar treinamentos em primeiros socorros a toda a comunidade de Morungaba, considerando que nas situações de emergência são necessárias pessoas minimamente orientadas sobre as principais condutas que podem ser realizadas por leigos em geral.

Até o próximo dia 30 de abril, profissionais das unidades escolares da rede municipal de ensino receberão os treinamentos. Outras etapas do projeto se darão ao longo dos próximos meses envolvendo inclusive crianças a partir de 6 anos de idade que também receberão treinamentos nas escolas.

Em seguida todos os profissionais do Departamento Municipal de Saúde serão capacitados em Suporte Básico de Vida.

No segundo semestre estão programados treinamentos com toda a população em eventos em praça publica e no Centro de Referência do Idoso (CRI).